“Não pare de sonhar – Parte 2”

Existem momentos em que Deus não intervém milagrosamente na nossa vida. Mesmo estando presente, sendo o Senhor da história, o Dono da situação, o Pai amoroso, ele não intervém. Sentimos no meio da carrancuda provação a ausência do seu sorriso, Mesmo assim sabemos que seu braço nunca está encolhido nem sua luz, apagada. No tempo apropriado, as nuvens se dissiparão, a luz retornará e nós seremos sustentados. “À medida que envelhecemos, aprendemos a confiar nas operações inescrutáveis de seus ventos.” (Spurgeon) Por isso nunca Pare de Sonhar! Não são as circunstâncias que determinam como será a nossa vida. O Senhor pode transformar um Jardim num deserto ou fazer do deserto um lugar cheio de verdor. Não somos produtos da crise, elas apenas nos revelam. Os maiores heróis da fé e da história nasceram do ventre da crise e foram forjados no deserto das provas. O deserto faz parte da agenda e do Currículo de Deus em nossa vida.
É, portanto necessário que um dia digamos: “Eu não permitirei que minha vida seja um baú de desespero e melancolias. Não deixarei que minha mente seja um poço de amarguras e más recordações. Eu não dependo da crise, ou da ausência dela, para ser feliz. Não é a prosperidade ou o sofrimento que definem a minha felicidade.
“Quanto a mim, eu esperarei sempre no Senhor.”
ALELUIA

Pr. Alexandro Felizardo


O Editor