“Vivendo unidos a experiência na ADORAÇÃO”

“Todo o que é chamado pelo meu nome, a quem criei para a minha glória, a quem formei e fiz”. Isaías 43:7 

Como é bom Adorar a Deus… isso preenche nossa alma, satisfaz o coração e alimenta nossa mente de esperança, graça, de vida renovada pelo Espírito.

É muito importante que a igreja esteja centrada no mesmo pensamento, que todos estejam com o mesmo desejo, porque estas atitudes atraem a graça de Cristo, o poder de Suas mãos.

Vemos na história do povo de Deus que todas as vezes que se reuniam no mesmo propósito havia um derramar sobrenatural, como por exemplo: as Muralhas de Jericó indo ao chão, porque todos estavam tendo a mesma atitude de obediência. (Josué 6), como também na Reconstrução dos Muros de Jerusalém (Neemias 3) que cada sacerdote, cada tribo estavam no mesmo pensamento, e esta união trouxe uma ação de arrependimento de pecados de quebrantamento sobre o povo (Neemias 9).

Como não esquecer Atos 2 Festa do Pentecoste, quando 120 discípulos reunidos em um só lugar, num só pensamento, num só desejo e de repente todos que ali estavam foram cheios do Espírito Santo.

IMAGINEM AGORA SE CADA UM DE NÓS QUE ESTAMOS NESTE MOMENTO REUNIDOS NESTA IGREJA, ONDE COMPORTA MAIS DE 120 PESSOAS, IMAGINEM TODOS QUE ESTÃO AQUI COMEÇAREM A TER O MESMO PENSAMENTO, O MESMO PROPÓSITO, A MESMA AÇÃO DE ADORAR A DEUS, DE BUSCÁ-LO; PODE TER A FIRME CERTEZA QUE EXPERIMENTAREMOS HOJE UMA EXPERIÊNCIA SOBRENATURAL.

Não há como negar que quando o povo se reúne para adorar a Deus vivem juntos experiências marcantes com Ele, vivenciam milagres, e isso traz cura não apenas ao corpo físico, mas a alma também.

Quando a Igreja está reunida na adoração não há lugar para o diabo, não há lugar para espírito de discórdias, não há lugar para espírito de intrigas só há lugar para um Espírito chamado ESPÍRITO SANTO.

“Pois onde se reunirem dois ou três em meu nome, ali eu estou no meio deles“. Mateus 18:20

Pr. André Moraes


Texto Publicado no Boletim nº 1118, de 19/03/2017

O Editor