“Nova aliança” (Boletim 1054)

Aproveitemos a chegada do Ano Novo como oportunidade para renovar todos os nossos propósitos de fé. Nós cremos em um Deus de amor infinito; e isso nos leva a excluir todo medo do que pode acontecer neste ano de 2016 – então, deitemos fora toda insegurança, tristeza ou amargura.
Essa posição inclui a certeza de vitória permanente em todos os empreendimentos que programarmos para o ano que chega. E o elemento essencial é a fé inabalável, destemor, pois o Pai quer o melhor para nós em 2016!
alegriaQuem sabe não seria oportuno, neste mundo inseguro e violento, em que a moral e a economia sofrem com solavancos, afirmar bem depressa que cremos na providência do Senhor e que comemoraremos com alegria o fato de podermos entrar, com sorriso vitorioso e fé, neste ano?
Os valores morais do Ocidente estão gerando permanente dúvida. Em nenhum lugar – nem nos Estados Unidos, nem na Europa, nem mesmo entre as nações emergentes, como o Brasil – há certeza de que caminhamos para algo melhor. Tudo isso que nos rodeia e promete vida mais fácil e cômoda, com menos esforço e resultados positivos, nos fala de algo melhor. A família cristã não está, no redemoinho de mil inovações, mais preparada para ajustar-se aos ideais divinos propostos biblicamente? Isso não implica em recusarmos as novidades boas, certamente; serve como alerta para não fecharmos os olhos e abraçarmos o mundo de facilidades que a tecnologia moderna nos traz. Não podemos nos empolgar com elas e esquecer os fundamentos bíblicos, que são os alicerces para edificarmos estruturas sólidas sobre as quais possamos repousar em segurança, com o aval da aprovação do céu.
casalA mulher feliz não precisa de tanto modernismo, para, ao lado do esposo, preparar uma nova geração para a luta e firme fundamento que o Senhor traçou para todos aqueles que Ele elegeu para serem os pilares de um Ano Novo, adornando de uma policromia que encanta a visão, assentado em alicerces bíblicos e aptos a melhorarem o bem estar em torno da mesa familiar durante 2016.
Pisar em terreno firme é premissa irrecusável se os objetivos que temos para esta nova etapa incluem estarem eles firmados na revelação bíblica e em atitudes condizentes com a coerência da fé cristã.
Jovens esposas, já pisando as primeiras horas boas desta nova etapa proposta por Deus, não tenham medo! Estejam, ao lado do esposo que Deus lhes deu, dispostas e aptas a viverem bons momentos de vida em seu lar. Cumpre repelir todo pessimismo, crendo firmemente que vale a pena construir um lar onde o culto doméstico seja realizado no melhor momento do dia – e isso, certamente, será sempre uma questão de adequação às realidades que a vida moderna impõe, mas não pode ser relegado, nem ocasional. É uma rotina abençoada que se realiza em poucos minutos, com leitura bíblica e oração, de preferência no começo das atividades diárias.
A Bíblia diz que os filhos são herança do Senhor. Temos que crer nisso! Chega de evitar filhos; vale receber a natividade como algo bom que vem do céu. Ore e junte-se ao seu esposo unanimemente. Além da escola, as horas de estudo obrigatórias são condições permanentes para os seis dias da semana. O domingo é do Senhor. A Igreja é o lugar que Ele reservou para fugir da rotina da semana de trabalho. O primeiro dia, biblicamente, é como uma ilha no meio da semana. A mente precisa descansar; assim, a fé deixa de ser uma obrigação e se torna a melhor forma de lazer. Este, aos pés do deus-e-digno-de-louvorSenhor, em meio aos louvores, na convivência do relacionamento fraterno dos fiéis, torna-se refrigério santo e desejável. Os grupos jovens das igrejas são ideais para a felicidade de um relacionamento sadio e próspero, que aproxima os irmãos e estimula o crescimento social e espiritual de cada um.
Seja, minha irmã, a líder que seu marido deseja para seu lar estável e ordeiro. Tenha o sadio empenho de colocar o divino em primeiro lugar; o lar em segundo, o trabalho em terceiro e os indispensáveis momentos em que o relacionamento familiar exige tempo e companheirismo abençoado.
Quanto ao mais, não tenham medo dos desafios desta nova etapa que começa agora em janeiro de 2016. Deus estará sempre ao nosso lado; e estando Ele presente, não há o que temer! Este Ano Novo vai ser uma bênção!
FELIZ ANO NOVO!!!!

Pr. Amaury Jardim – Revista ‘Vida Cristã’

O Editor